Sistema de Treinamento Físico e Reabilitação Físioterápica por Micro-Vibração

22/04/2015

O conceito da estimulação neuro-muscular por vibração foi criado em princípio para a prevenção da perda de densidade óssea e massa muscular que sofriam os astronautas, devido aos grandes períodos de permanência em atmosfera sem gravidade. Os resultados obtidos foram tão significativos que de imediato se passou a utilizar a vibração como medida terapêutica. Desde então foram efetuados inúmeros estudos científicos que provaram a eficácia da vibração na prevenção e tratamento de algumas patologia.

Leia mais

Exercícios de Sobrecarga

30/04/2015

Treinamento físico consiste basicamente na aplicação de sobrecargas aos sistemas músculo-esquelético, cardiovascular e neuro-endócrino, com o objetivo de estimular adaptações morfológicas e/ou funcionais. Sobrecarga deve ser entendida como uma solicitação de função acima dos níveis de repouso, sendo portanto uma situação de estresse que leva à desestruturação tecidual, consumo de substratos energéticos, de enzimas e de outras substâncias essenciais, comprometendo a homeostase. Sobrecargas excessivas em intensidade ou volume podem levar à lesões ou disfunções, mas no caso do treinamento físico bem orientado, as sobrecargas são bem dosadas e intermitentes. No repouso que se segue a cada sessão de treinamento o organismo se recupera das sobrecargas por meio de adaptações morfológicas e funcionais específicas, levando ao aprimoramento da composição corporal e do desempenho.

Leia mais

Futuro Fitness

30/04/2015

Passado Até início dos anos 70, a academia era freqüentada por homens e a atividade oferecida era quase sempre a musculação. Academia era sinônimo de homem forte. Hoje a mesma musculação começa a receber outro nome: exercícios resistidos.

Leia mais

Informativo para Mulheres

30/04/2015

A menstruação sempre foi um tabu para a ciência do esporte, treinadores e atletas. Há poucas décadas, era preocupante o fato da mulher participar de competições ou treinar menstruada. Somente a partir de 1950, com a melhora na qualidade dos produtos de higiene femininos (absorventes), esse quadro mudou.

Leia mais